BALADA PARA SOPHIE - Tinta da China
10%

[NOTA: As encomendas feitas até ao final de Outubro serão enviadas a partir da primeira semana de Novembro.]

Cressy‑la‑Valoise, 1933

Dois célebres pianistas virtuosos, nascidos ambos na mesma vila francesa, cruzam‑se pela primeira vez no Concurso Nacional de Jovens Talentos. Julien Dubois, o herdeiro privilegiado de uma família rica, e François Samson, o invisível filho do responsável pela limpeza do teatro. Nessa noite, um deles venceu.

Cressy‑la‑Valoise, 1997

Uma enorme mansão vazia é abalada pela inesperada visita de uma jovem jornalista. Julien, agora lesionado e sob o peso do pseudónimo Eric Bonjour, deixa‑se levar irresistivelmente por uma nuvem de cigarros e memórias, flutuando entre a realidade e a fantasia. Vai compondo, como numa partitura, uma história sobre o preço do sucesso, redenção, pianos voadores… e sempre, sempre a sombra de Samson.

Afinal, algum deles alguma vez terá vencido? E haverá ainda alguma música por tocar?

Balada para Sophie é a mais ambiciosa, íntima e comovente novela gráfica da multipremiada dupla Filipe Melo e Juan Cavia – leva os leitores para territórios cada vez mais profundos e complexos, sem nunca perder de vista o poder narrativo e simbólico que os tornou um verdadeiro fenómeno entre público e crítica.

Filipe Melo

Filipe Melo é pianista, realizador de cinema e autor de banda desenhada. Desenvolveu desde cedo uma paixão pela música, em especial pela improvisação. Estudou no Hot Clube de Portugal e, mais tarde, no Berklee College of Music. Depois de muitos anos como pianista, tornou-se também compositor, arranjador e orquestrador.
Na área do cinema, foi o criador de vários projectos de culto: I’ll See You in My Dreams, curta-metragem vencedora do Fantasporto, Um Mundo Catita e Sleepwalk, curta vencedora do prémio Sophia da Academia de Cinema.
Os seus livros de banda desenhada estão editados em vários países e escreve para a lendária colectânea de BD Dark Horse Presents, ao lado de nomes como Frank Miller e Mike Mignola.
Actualmente, ensina na Escola Superior de Música, em Lisboa.

Juan Cavia

Juan Cavia nasceu na Argentina. Aos 10 anos de idade, começou a ter aulas com o professor Carlos Pedrazzini, que fez incidir os seus estudos sobre a anatomia humana, perspectiva e síntese, para depois se concentrar mais profundamente sobre a narrativa. Estudou cinema e trabalhou como storyboarder e concept designer para algumas produtoras de publicidade. Actualmente, trabalha como director de arte para cinema e publicidade, e destaca-se a sua participação como set designer no filme El secreto de sus Ojos.