COMO SE FAZ UM POVO - Tinta da China
10%

Historiadores, antropólogos e outros cientistas sociais de renome reflectem sobre a história contemporânea de Portugal, descrevendo como a ideia de «povo» se transforma ao longo dos tempos e de que modo se forma a identidade nacional.

«Este livro reúne historiadores, antropólogos e outros cientistas sociais que têm desenvolvido investigações no âmbito da história contemporânea de Portugal. Mas, em lugar de apenas dar conta da história de um povo, das suas características e dos seus atributos, procura­‑se também pensar a questão que lhe dá título: como se faz um povo? Isto é, por que processos se forma a própria ideia de povo, independentemente do objectivo com que se afirma a sua existência, objectivo que tanto pode passar pela celebração do povo, o que normalmente sucede com o ‘nosso’ povo, ou pela sua censura, o que não raras vezes acontece ao povo dos ‘outros’.»
— José Neves

Textos de: Luís Trindade, Maria Alice Samara, Emília Tavares, Tiago Baptista, Rui Bebiano, Silvina Rodrigues Lopes, Manuel Graça Dias, Daniel Melo, João Pinharanda, Eduardo Cintra Torres, entre outros.