30%

«Que A História de Um Rapaz Mau é um dos clássicos da literatura norte-americana, diz-nos a história literária e confirma-nos a sua leitura; que a edição portuguesa nos tenha chegado, tão cuidada […] só pode contribuir para perpetuar a obra de Aldrich para as próximas gerações.»
— Sara Figueiredo Costa, Time Out

Em 1869, Thomas Bailey Aldrich apresentou à literatura americana o «rapaz mau» – aquele que prega partidas inofensivas, engendra aventuras emocionantes, sofre as penas de um amor não correspondido, que se aborrece aos domingos e de quem a maior parte das pessoas gosta muito. Apesar de se ter tornado familiar sobretudo devido às obras de Mark Twain, a verdade é que foi em A História de Um Rapaz Mau que este tipo de personagem apareceu pela primeira vez.

A História de Um Rapaz Mau é um clássico da literatura americana do século XIX. Através desta obra, é possível redescobrir a imagem de uma América intemporal, conservadora, mas tolerante, em que as pequenas cidades rústicas vão sendo progressivamente suplantadas pelas grandes metrópoles, como Boston e Nova Iorque, e onde se assiste, consecutivamente, a uma poderosa mudança de valores e de atitudes sociais. De resto, esta progressão narrativa representa os traços fundacionais da própria identidade americana novecentista.

Thomas Bailey Aldrich

Thomas Bailey Aldrich nasceu em Portsmouth, Estados Unidos, em 1836.
A História de Um Rapaz Mau é uma narrativa inspirada na própria história de vida do autor, relatando a época em que regressa a Portsmouth, cidade onde nasceu, após ter vivido quase sempre em Nova Orleães.
T.B. Aldrich começou muito cedo a ler Tennyson, John Keats e Longfellow, poetas que vieram a exercer grande influência quando o próprio Aldrich começou a escrever poesia. Com 16 anos, e após a morte do pai, mudou-se para Nova Iorque. Travou amizade com vários escritores e poetas, entre os quais Walt Whitman. Os seus poemas e contos começaram a ser publicados em vários jornais e revistas e, em 1855, foi editado o primeiro livro de poesia: The Bells: A Collection of Chimes. Desempenhou funções editoriais no New York Illustrated News. Em 1865, mudou novamente de cidade, desta vez para Boston, onde se tornou editor do semanário Every Saturday, função que passou a desempenhar, mais tarde, na revista Atlantic Monthly.
Escreveu profusamente ao longo da vida, tendo sido publicada uma colectânea em oito volumes das suas obras, em 1807. A História de Um Rapaz Mau, publicada pela primeira vez em 1869, tornou-se um sucesso de vendas.
Morreu em Boston, no ano de 1907.