10%

Colecção Ephemera, dirigida por José Pacheco Pereira.

30 fotografias estenopeicas do ARQUIVO / BIBLIOTECA EPHEMERA, na Marmeleira.

Ao longo de vários anos, António Campos Leal fotografou as salas do Arquivo / Biblioteca Ephemera, usando diferentes tipos de máquinas.
Neste livro reproduzem-se as fotografias captadas com câmaras estenopeicas — caixas e latas cujo interior é revestido a preto e onde é feito um furo de agulha por onde passa a luz. É o método mais despojado de fazer fotografias: não há lentes, nem quaisquer mecanismos que moldem ou tratem a luz que entra pelo furo. Uma forma de olhar antiga, severa e pura do olhar que mostra a luz deslocando-se sobre os livros, e pelos espaços e objectos que servem os livros.

António Campos Leal

Nasceu em Peso da Régua, em 1952, mas é culturalmente «tripeiro». Químico por formação, fotógrafo profissional e professor de fotografia. Realizou várias exposições individuais e participou em exposições colectivas. É autor dos blogues Buracodeagulha e Escrita Fotográfica.